genética

Podemos conhecer a nossa pele através da genética?

Já todos ouvimos falar de ADN e da descodificação do código genético que aconteceu há já 22 anos, no longínquo ano de 2000, quando o geneticista americano Craig Venter anunciou que 99% do genoma humano havia sido descodificado. Desde essa época já muita coisa aconteceu.
Desde que o código genético foi decifrado, a informação que podemos extrair sobre nós próprios através do nosso ADN tem aumentado exponencialmente. A genética não só nos fornece informações sobre as características da pele que herdámos dos nossos pais, como também nos fornece informações sobre a aparência da pele, o seu comportamento e a nossa predisposição para desenvolver uma determinada doença.
genética

As características da pele são determinadas pelos genes

Os genes que determinam as diferentes características inerentes da nossa pele são numerosos, condicionando a capacidade de hidratação da pele, a sua elasticidade, textura, proteção contra a radiação ultravioleta (UV), alterações da pigmentação, capacidade antioxidante, etc. Estes genes são responsáveis pela modulação de várias vias moleculares para a síntese de proteínas com funções estruturais e metabólicas na pele (colagénio, elastina, proteoglicanos, etc.). Contudo, embora os nossos genes controlem as inúmeras vias moleculares envolvidas na função e aparência da nossa pele, há modulação da expressão destes genes por fatores ambientais e estilos de vida.
Por exemplo, se a nossa genética nos diz que estamos predispostos a desenvolver manchas de pele, esta característica tornar-se-á muito mais evidente se passarmos muito tempo ao sol e não nos protegermos adequadamente da exposição solar.
Mas a pele de cada um de nós é diferente. Através de testes genéticos da pele podemos conhecer a genética da nossa pele, compreendê-la melhor, e assim podermos ser capazes de cuidar dela da melhor forma possível.

Os genes e o envelhecimento da pele

O processo de envelhecimento da pele é complexo, envolvendo muitos fatores intrínsecos e extrínsecos. Sabe-se que 60% do nosso envelhecimento é determinado pela nossa genética, enquanto 40% é determinado por fatores externos.
Portanto, o ADN, o ambiente, o nosso estilo de vida e as nossas rotinas de cuidados com a pele irão determinar a forma como envelhecemos.
E tu gostarias de fazer um teste de ADN? Isso também já é possível. Já se pode fazer testes de adn em Portugal através da 24Genetics, e assim ficas a saber mais sobre ti e a tua genética. Quem diria apenas há meia dúzia de anos que isso seria possível atualmente? É incrível como a ciência e a medicina evoluíram e nos permitem antever e prevenir eventuais problemas de saúde no futuro.

Testes genéticos da pele

É por isso que é essencial saber como os nossos genes influenciam o aspeto da pele através de um teste genético, a fim de poder agir em conformidade e tentar abrandar o processo de envelhecimento e melhorar a saúde e beleza da nossa pele.
E tu? Já sabias que era possível realizar testes de ADN? Deixa-nos na caixa de comentários a tua opinião sobre este tema que para algumas pessoas poderá ser polémico, mas que para muitos pode ser o caminho do futuro.
6

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...