tartaruga

Os embriões de tartaruga e o seu nascimento simultâneo

tartarugaA natureza nunca deixa de nos surpreender. Por vezes aquelas coisas que parecem ser simples coincidências, estão muito longe disso. Tal como não é por acaso que, por exemplo, as tartarugas nasçam ao mesmo tempo. Isso tem uma razão de ser: os embriões de tartaruga, fazendo gala de um perfeito mecanismo de sobrevivência fraternal, comunicam entre si até estarem de acordo com o momento em que decidem romper de vez a casca do ovo.

Segundo um estudo da Universidade de Western Sydney, chefiado por Ricky-John Spencer, as tartarugas, ainda na etapa embrionária e como boas irmãs que são, fazem um esforço prematuro e sincronizam os respectivos relógios vitais.

Não existem situações similares a este formidável fenómeno da natureza. Foi esta a conclusão a que chegou Spencer após estudar durante três anos uma espécie concreta de tartaruga: a Emydura macquarii, originaria da região sudeste da Austrália. Reuniu dezenas de ovos deste animal e dividiu-os em dois grupos. O primeiro grupo foi incubado a 25º centigrados e o outro a 30º.

Após o período de incubação, Spencer voltou a misturar todos os ovos e qual foi a sua surpresa ao verificar que as pequenas tartarugas rompiam todas a casca ao mesmo tempo. Para comprovar se a diferença de temperatura tinha tido algo a ver com o assunto, repetiu a experiência, submetendo todos os ovos a 26º. Uma vez mais, todas as tartarugas nasceram ao mesmo tempo.

Actualmente pensa-se que a origem desta comunicação pré-natal poderá estar relacionada com as emissões embrionárias de dióxido de carbono, as quais poderiam modificar os níveis de oxigénio no meio envolvente e desta forma manipular a secreção de hormonas da tiróide, a responsável pelo desenvolvimento dos embriões. Deste modo, as tartarugas mais desenvolvidas aumentariam as suas emissões de dióxido de carbono e reduziriam o oxigénio, facilitando o crescimento dos outros embriões. Sem dúvida, um acto de protecção fraternal sem paralelo.

Como podemos ver, ainda existem imensas coisas sobre os animais e a natureza que desconhecemos e que ainda nos continuam a maravilhar.

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...