poço de kola

O Poço de Kola, o buraco mais profundo do mundo

poço de kolaO Poço de Kola, o buraco mais profundo do mundo. Em inícios da década de 70 começou na Rússia um projecto titânico, que consistia em fazer um buraco na terra tão profundo que pudesse atravessar a crosta terrestre, situada a cerca de 30 km de profundidade nesta região. Baptizado como poço superprofundo de Kola, a escavação fica situada a aproximadamente 10 kms da cidade de Zapolyarny, e infelizmente para os cientistas e geólogos as elevadas temperaturas acabaram com o projecto.

As intenciones iniciais eram de alcançar pelo menos os 15 kms de profundidade. Após mais de dez anos de trabalho duro foi possível estabelecer um novo recorde, batendo os 9.582 metros alcançados pelo Poço Bertha Rogers (Oklahoma). Mas infelizmente a boa sorte não iria acompanhar durante muito mais tempo os russos.

No ano de 1983, quando o poço de Kola já alcançava os 12 kms de profundidade, aconteceu um deslizamento no seu interior e grande parte do trabalho perdeu-se. Sem se renderem, os russos começaram novamente a escavar a partir dos 7 kms, chegando em 1989 aos 12.262 metros de profundidade. Nessa altura os trabalhadores são confrontados com uma barreira intransponível, os 180 graus de temperatura dentro do túnel e a grande quantidade de lama e hidrogénio que saiam constantemente do fundo do poço.

Apesar de terem batido por duas vezes o recorde de maior profundidade jamais escavada, as zonas mais profundas do poço foram abandonadas, embora ainda se tenha instalado um laboratório geológico a pouco mais de 8 kms, gerido pela empresa GNPP Nebra.

O poço de Kola teria motivos mais do que de sobra para ser famoso simplesmente pelo trabalho épico que foi feito, mas a sua fama mundial veio da mais insuspeita das formas. O imaginário popular para além dos rumores que lhe foram atribuídos de ser a própria porta do inferno, com base num suposto artigo de um jornal finlandês onde se afirmava que os geólogos tinham gravado gritos de agonia e lamentos no fundo do poço.

É inegável que o poço de Kola possa ser considerado como a porta do inferno, mas não há necessidade de recorrer às almas torturadas e ao fogo eterno: já é suficientemente infernal apenas com as características de pressão e temperatura que tem naturalmente.

 

Foto via: universetoday.com

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...