Número de visitas dispara na Biblioteca de Mirandela

Número de visitas dispara na Biblioteca de Mirandela

Bruna Real, a professora de Música de Mirandela afastada do ensino depois de ter posado nua na edição de Maio da revista ‘Playboy’, cumpre agora duas horas diárias nos serviços de Arquivo da Biblioteca da câmara municipal de Mirandela.

“Simpática”, “atraente” e “boa colega”. Foi assim que alguns funcionários do Arquivo Municipal de Mirandela reagiram ao primeiro dia de trabalho de Bruna Real.

A professora vai continuar a trabalhar no arquivo até ao final de Junho, altura em que termina o seu contrato com a autarquia.

Desde que estalou a polémica em torno das fotografias da professora que a família de Bruna “desapareceu” de Mirandela. Pais e avós estão incontactáveis, também as tias, que têm um negócio de alheiras, fecharam a fábrica e as lojas de revenda.

Um dos docentes que foi colega de Bruna na Escola de Torre garantiu ao DN que a professora “é muito inteligente, com uma cultura acima da média e que era acarinhada e respeitada não só pelo professores mas também pelos alunos da escola”.

António Vidinhas, 37 anos, namorou cerca de quatro anos com Bruna Real. O ex-companheiro, que é proprietário de uma loja de molduras, disse ao DN que não concorda com a sessão fotográfica: “Como professora primária tinha de ter mais decoro, eu se tivesse um filho não gostaria que ele tivesse uma professora que se despia para uma revista….”

PS: Deixa lá António, a vender molduras não tinhas “Vidinha” para esse material…



Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...