Defeitos físicos que não estão registados na história

Defeitos físicos que não estão registados na história

A imagem pessoal é cada vez mais importante na sociedade actual. Os meios de comunicação bombardeiam-nos com produtos para sermos mais belos, e com isso, aumentar supostamente, a nossa felicidade.

No entanto, por mais que se esconda uma corcunda, ela continua lá. Se alguém nasceu com um defeito ou deformidade física, dificilmente a conseguirá esconder.

Ao longo da história tem havido personalidades cujo carisma prevaleceu acima destas deficiências físicas. Por exemplo, muitas pessoas ignoram que tanto Hitler como Napoleão apenas tinham apenas um testículo.

 

Outras personagens históricas com deformidades físicas:

 

– O profeta Moisés (teria a língua presa).

 

– Ana Bolena, a segunda esposa de Henrique VIII (teria seis dedos na mão esquerda e três mamilos)

 

– O poeta inglês John Keats (tinha uma cabeça diminuta)

 

– Lord Byron (o intelectual britânico tinha os pés deformados, com a forma de cascos fendidos).

 

– Guilherme II, o imperador alemão, tinha o braço atrofiado, devido a ter tido um parto difícil.

 

– Estaline tinha os dedos do pé esquerdo ligados por uma membrana e o braço esquerdo era mais curto do que o direito.

 

– Goebbels, o político nazi defensor da pureza genética, tinha os pés deformados e o braço esquerdo era oito centímetros maior que o direito. Segundo alguns testemunhos, estes defeitos não eram de nascença, ma teriam surgido fruto de uma doença que teve na sua infância.

 

Da mais bela ficção, com o Corcunda de Notre Dame, à mais pura realidade, com as destacadas personalidades de todos os tempos anteriormente narradas, as deformidades físicas nunca foram impedimento para conseguir atingir as metas a que cada um se proponha.

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...