Curiosidades sobre o chocolate

Curiosidades sobre o chocolate

A forma de primeira garrafa de Coca-cola é inspirada na forma do “criollo”, o fruto de um dos tipos de cacaueiro.
A maior maqueta de chocolate até hoje construída foi a da cidade olímpica de Barcelona, em 1985. Pesava duas toneladas e tinha 10 metros de comprimento.
Em 1569, o Papa Pio V, autorizou que o cacau fosse usado como bebida para suportar o jejum.
A Costa do Marfim é o primeiro produtor mundial de cacau, mas os países produtores são fracos consumidores. Os cacaueiros dão frutos, cacaueiro, durante todo o ano.
Guardar chocolate no frigorífico corta o brilho e mata o sabor.
O chocolate previne o envelhecimento.
A massa de Cacau tem grande poder antioxidante, mais que qualquer fruta combatendo os efeitos da idade e alguns cientistas garantem que pode ajudar a prevenir o cancro.

O chocolate ajuda à forma física e mental

O Chocolate mostra-se num alimento ideal para as diversas situações de crise pela invejável concentração de minerais (cálcio, fósforo, magnésio e vitaminas) que o compõe. Todos os tipos de Chocolate, principalmente, os de leite, são uma fonte de proteínas boas para o crescimento, recuperação e manutenção do corpo e do cálcio, essencial para a formação óssea. O Chocolate branco contém maior quantidade de cálcio, zinco e vitamina B2 do que o Chocolate puro.

O chocolate ajuda o coração

O Chocolate é o mais novo aliado do coração, este é beneficiado pela teobromina presente no Chocolate. Teobromina é uma substância estimulante que age no sistema nervoso central e também no sistema muscular, permitindo o bom funcionamento do coração. O Chocolate também contém flavonóides, que ajudam a combater a oxidação da circulação sanguínea, melhorando assim a saúde das artérias e do coração.

O chocolate ajuda a flexibilizar o raciocínio

O chocolate é considerado um excelente alimento para o cérebro, visto que contém teobromina e tiramina, são duas substâncias que estimulam os neurónios para uma maior concentração.

Chocolate dá felicidade

A feniletilamina estimula a produção de endorfinas e serontonina no cérebro, sendo conhecida como a “molécula da felicidade e do prazer”, actuando numa área relacionada com as emoções – permite aliviar a tensão e ajuda a relaxar. Assim, o Chocolate previne insónia.

O chocolate cura depressões

Tem efeitos anti-depressivos, porque a teobromina e feniletilamina presentes no chocolate, são também substâncias estimulantes de bom-humor. Não deve ser consumido em excesso, pode provocar alterações emocionais, inicialmente dá euforia e aumenta o humor, depois segue-se a depressão e o organismo passa a sentir falta do alimento.

O chocolate não provoca acne

Não existem estudos científicos que comprovem a relação entre o chocolate e o aparecimento ou agravamento de acne. O acne surge devido a alterações hormonais ou ao stress, o chocolate só por si não determina o seu aparecimento, mas comer alimentos gordos estimula a pele a tornar-se mais oleosa, como o organismo absorve substâncias gordurosas, consequentemente aparecem borbulhas.

O chocolate não engorda

O chocolate puro tem menos gordura, grande quantidade de magnésio (essencial para libertação de energia para as células) e ferro (essencial para a produção de glóbulos vermelhos) e tem menos valor calórico que o chocolate de leite e branco. Com a devida moderação é possível desfrutar do prazer de comer chocolate sem trazer prejuízos ao organismo. Contudo, deve controlar o peso, porque se o total de calorias consumidas por dia é elevado é aconselhado então gastar em actividades físicas.

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...