Caracóis Gigantes

Caracóis Gigantes


Os Caracóis Africanos Gigantes são a maior das espécies de caracóis em todo o mundo, com uma concha que pode crescer até aos 30cm de comprimento e 15cm de diâmetro

Naturais das florestas tropicais do Gana, em África, os Caracóis Africanos Gigantes vivem em condições tropicais, sem inimigos naturais. Isso, combinado com o facto de cada caracol poder dar origem a até 1200 ovos por ano, torna a sua população enorme, o que se torna um problema. Sempre que surge uma colónia destes caracóis gigantes, todas as restantes espécies de caracóis e lesmas desaparece. O seu apetite insaciável por qualquer tipo de planta ou fruta, torna o Caracol Africano Gigante uma praga. Pelas fotos podemos ficar com uma ideia, pois estas coisas podem até comer estuque e tinta de edifícios.

Como todos os caracóis e lesmas, são hermafroditas e extremamente prolíficos. Apenas um par de caracóis pode dar origem a uma colónia de 8 a 10 biliões de indivíduos, durante o seu período de vida de 5-7 ano. Imagine agora outro ciclo igual e estaremos a olhar para uma cena quase apocaliptica. Será certamente uma imagem assustadora, até porque eles podem “hibernar” por periodos de até 6 meses, caso o clima não lhes seja muito favorável.

Enquanto são visto como praga e parasitas, em África, no mundo ocidental, os Caracóis Africanos Gigantes começam a aparecer como cobiçadas mascotes em alguns mercados, por serem considerados animais inteligentes e pela sua habilidade na reprodução de sons. Lol, estou a brincar, há quem goste deles apenas porque são enormes, viscosos, e não fogem do dono…

PS: Será que dão um bom petisco…??

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...