coreia do norte

5 feitos científicos que a Coreia do Norte afirma ter alcançado (e que nos despertam alguma desconfiança)

coreia do norteA Coreia do Norte é um país ainda mais estranho do que os outros países asiáticos. Trata-se de uma nação fechada ao resto do mundo, mas que quando é visitada por estrangeiros apresenta uma imagem bem cuidada. Até onde conseguimos saber, não tem o melhor historial em relação aos direitos humanos. As Nações Unidas afirmam que existem diversos padrões de longa data e em curso de “violações sistemáticas e generalizadas” neste país asiático que alcançaram o limite requerido para que sejam considerados crimes contra a humanidade, conforme previsto no direito internacional.

As informações que saem para o exterior são muito poucas, e na maioria das vezes são tão surpreendentes que se tornam quase ridículas. A maioria de nós já ouviu falar sobre a propaganda norte-coreana, mas ultimamente parece que estão muito empenhados em demonstrar as suas proezas na área científica.

Se tudo o que dizem fosse verdade, então seriam uma potência tecnológica a ter em conta. Em certos aspectos teriam até décadas de avanço em relação ao resto do mundo… Será mesmo? A mim custa-me a acreditar. De qualquer das formas, aqui fica uma pequena lista com as façanhas que alegam ter conseguido alcançar. Deixo que sejas tu próprio a julgar.

 

Descobriram a cura para o ébola

cura do ebolaQuando o resto do mundo sucumbia perante a crise do ébola em África (que por pouco não se estendeu a outros continentes), os norte-coreanos dormiam tranquilos sabendo que nada tinham a temer: eles dizem ter a cura para o ébola e estavam preparados caso o vírus chegasse ao país.

 

E a cura para a síndrome respiratória aguda grave

cura sarsO anúncio da cura do ébola não veio sozinho. Para além disso, as autoridades da Coreia do Norte também garantiam ter encontrado a cura para a síndrome respiratória aguda grave (também conhecido como «sars», a sigla em inglês). A cura seria realizada pelo mesmo fármaco com que dizem conseguir curar o ébola, mas a história não termina aqui.

 

E já agora porque não? Também dizem conseguir curar a SIDA

cura da sidaA saúde pública na Coreia do Norte deve ser extraordinária, uma vez que para além de estarem livres de ébola e de sars, também conseguem curar a SIDA. É isso. Leste bem. O mesmo remédio que consegue curar as outras duas doenças, pelos vistos também cura a SIDA. Há mais de 20 anos que foi descoberta a cura para a SIDA na Coreia do Norte, mas guardam a cura apenas para eles. Não eram eles que falavam naquela coisa de se ser solidário?

 

Inventaram uma bebida alcoólica que não dá ressaca

cura da ressacaEntre tanto trabalho em prol da saúde da humanidade, também há ainda algum tempo para investigações um pouco mais hedonistas. Foi com essa filosofia que foi anunciado recentemente que os cientistas da Coreia do Norte haviam conseguido produzir uma bebida alcoólica à base de arroz e ginseng que não provoca ressaca. Já agora, também dava algum jeito se existisse alguma coisa do mesmo género por cá…

 

E conseguiram fabricar e detonar com sucesso a sua própria bomba de hidrogénio

bomba de hidrogenioTalvez a façanha cientifica que esteve em maior destaque nos últimos tempos tenha sido a detonação da uma bomba de hidrogénio fabricada pelos norte-coreanos. Mal esta notícia começou a circular, a comunidade internacional entrou em estado de alerta. No entanto, diversos líderes mundiais também se mostraram cépticos em relação a este facto. Os registos sísmicos sugerem que algo aconteceu, mas daí a ter sido efectivamente uma bomba de hidrogénio já vai alguma distância.

 

Qual é a tua opinião? Achas mesmo que a Coreia do Norte conseguiu realmente alcançar todos estes feitos científicos?

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...