boneco vudu

5 Curiosidades sobre o vudu

vuduO vudu é normalmente associado à bruxaria, com pessoas a dançar e a cantar em línguas estranhas e a sacrifícios animais, e por vezes humanos. Mas o que sabemos efectivamente sobre o vudu? É realmente uma prática religiosa tão obscura e macabra? O vudu realmente não é uma religião antiga mas uma mistura de diferentes crenças africanas e cristãs. Foi criado na América pelos escravos africanos, os quais não abandonaram por completo as suas crenças, o que juntamente com as crenças do cristianismo acabou por dar origem a uma “nova” religião. O vudu é bastante interessante e complexo e a sua influência criou condições para o surgimento de outras crenças, como a santeria. Queres saber mais sobre o vudu e esclarecer alguns dos preconceitos que existem sobre o mesmo? Então não percas o resto deste artigo.

curiosidades

Existem diferentes tipos de vudu

Estes tipos de vudu são muito diferentes entre si pois desenvolveram-se em diferentes regiões, o que lhes permitiu incorporar elementos de diversas culturas. Há o vudu da Louisiana, vudu haitiano, vudu africano, vudu dominicano, vudu porto-riquenho, vudu brasileiro e vudu cubano. O vudu brasileiro é também chamado de candomblé Jeje. O candomblé é uma religião e também um produto da mistura de crenças.

vudu

O vudu tem muitas semelhanças com o cristianismo

Especialmente o vudu da Louisiana e o haitiano, que se inspiraram directamente no cristianismo. Por exemplo, acreditam num deus superior e criador chamado Bondye (bom deus), Aido Wedo é uma virgem e o guardião das portas, Legba, é como São Pedro.

voodoo

É usado de forma geral para curar

Graças ao cinema, à literatura e à televisão vulgarizou-se a crença que o vudu é usado essencialmente para invocar espíritos malignos, lançar maldições e criar zombies. Em suma, é somente magia negra. No entanto, os rituais de vudu são utilizados mais para curar doenças e aliviar dores. De uma forma geral é usado apenas para curar (em teoria, naturalmente).

tipos de vudu

No vudu não há magia negra nem branca

Segundo as nossas crenças ocidentais temos duas cores opostas que rivalizam em tudo, no bem e no mal, na vida e na morte, no ordem e no caos, na paz e na guerra, Deus e o Diabo, o branco e o negro. Nas crenças mágicas a magia branca está associada ao bem, à boa sorte, alivia dores, rompe feitiços e maldições, e a negra com tudo o que é mau e demoníaco. Não obstante, no vudu não existem tais cores. Se por acaso se invocar um espírito para causar danos, a isso chama-se magia vermelha, porque é a cor para a qual os olhos mudam quando o espírito possui o praticante.

boneco vudu

Os bonecos de vudu não são usados apenas para causar danos e fazer mal

O fetiche vudu mais conhecido por todos é o boneco vudu. Existe a ideia que é o instrumento principal para causar danos a outra pessoa, quer seja com fogo, ou mais vulgarmente com alfinetes. Para criar um boneco de vudu é preciso algum objecto que seja propriedade da pessoa que se pretende afectar. Pode ser um pedaço de cabelo, uma fotografia, um pedaço de tecido, etc. Embora possa ser usado para causar o mal a outra pessoa, o boneco de vudu também pode ser usado para outros fins mais positivos, como por exemplo colar uma moeda para atrair a fortuna, ou talismãs para protecção pessoal. Pode-se usar qualquer coisa, dependendo dos propósitos que se tenha para a pessoa. Aliás, as agulhas não são sequer usadas para causar dor, mas para fixar os objectos ao boneco.

O vudu não é a prática proibida que os meios de comunicação gostam de explorar, sendo muito mais complicado e complexo do que isso. É realmente muito interessante, com muitos detalhes e práticas curiosas. Naturalmente que não existe qualquer prova científica de que algum dos rituais e práticas funcionem porque isso é já uma questão de fé.

Mas agora também gostaríamos de saber qual é a tua opinião. Achas que o vudu é uma prática satânica ou de bruxaria? Ou talvez seja uma religião estranha mas com o direito de existir como todas as outras? O que pensas?

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...