alquimia

Conhece estes 14 Símbolos Utilizados na Alquimia e Qual o Seu Significado

Maria a judia, a primeira alquimista da história e criadora do famoso banho maria, seguramente que utilizou muitos dos símbolos tradicionais da alquimia. Os quatro elementos, os metais e os planetas tinham um sinal que os identificava e aos quais foram-se juntando outros símbolos, até formar praticamente um alfabeto que tornava ilegíveis muitos textos aos não iniciados. Acompanha-nos e vem conhecer 14 símbolos utilizados na Alquimia e o seu significado.

Significado dos símbolos na Alquimia

Entre os principais símbolos da alquimia estão os que representam os quatro elementos definidos pelos antigos filósofos: Terra, Água, Ar e Fogo. Relacionados com os quatro princípios vitais que são o calor, o frio, a humidade e a secura.
Estes símbolos também podem ser encontrados na astrologia, já que os signos do Zodíaco se dividem também entre estes quatro elementos. Um triângulo representa o fogo (calor e secura), e um triângulo com uma linha que o atravessa ao centro o ar (calor e humidade).
símbolos da alquimia

Símbolos da alquimia: Fogo e Ar

O triângulo invertido representa a água (fria e húmida), e o triângulo invertido com uma linha que o atravessa ao meio simboliza a terra (fria e seca).
símbolos da alquimia

Símbolos da Alquimia: Água e Terra

A estes quatro elementos cosmogónicos, há que acrescentar os três símbolos que representam as Três Bases definidas por Paracelsus, a «Tria Prima».
alquimiaNa lei de Paracelsus os elementos tinham o seguinte significado e associações:
  • Enxofre: era expansivo, tinha forte poder de evaporação e dissolução. Era um fluido conectado com os baixos e altos processos. Os alquimistas associavam o enxofre com as emoções e desejos da alma. Enxofre era associado ao ponto, pois era a parte dele que tudo começava a nascer, tanto para os matemáticos quanto para os designers daquela época.
  • Mercúrio: era o elemento que transcendia os estados de líquido e sólido.  Era o elemento associado ao espírito pois ele ia além do paraíso, do inferno ou até do universo. Para os matemáticos são as linhas com suas infinitas expressões.
  • Sal: era o resultado dessa junção. Era a matéria base que representava a energia de condensação, contracção e cristalização. Ele representava o corpo e toda a energia de composição e decomposição que o mesmo possui. No caso dos artistas e matemáticos da época, era o volume, a obra final ou obra-prima.
Muitos símbolos alquímicos estabelecem uma relação entre metais e planetas, já que para os antigos existia uma profunda união entre astrologia e alquimia.
  • A lua é simbolizada por um lua em quarto crescente e corresponde à prata.
  • O planeta Mercúrio partilha o símbolo com o mercúrio.
  • Vénus é um círculo de onde pende uma cruz. Dizem que é um espelho, e partilha o símbolo com o cobre.
  • O sol e o ouro estão representados por um círculo com um ponto no centro.
  • Marte e o ferro são uma cruz sobre um círculo.
  • Júpiter e o estanho uma lua em quarto crescente unida a uma cruz
  • Saturno e o chumbo uma cruz de onde sai uma lua em quarto crescente.
A alquimia é a precursora da química. Basta observar a tabela dos elementos da alquimia para ver a semelhança com a tabela periódica.
tabela periódica
O último dos símbolos importantes da alquimia é a pedra filosofal: um círculo dentro de um quadrado, no interior de um triângulo, que está dentro de um círculo. Aqui o mundo espiritual está representado na parte superior e o material na inferior.
pedra filosofal
Já conhecias estes símbolos utilizadas na alquimia ou conheces outros? Partilha connosco!
10

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...