«Esperminador» engravidava mulheres que conhecia através do Facebook

«Esperminador» engravidava mulheres que conhecia através do Facebook

Londres – Duas mulheres britânicas que engravidaram depois de serem seduzidas através da rede social Facebook lançaram uma campanha para alertar potenciais vítimas do «esperminador».

As duas jovens conheceram Dominic Baronet, de 27, na rede social Facebook e acabaram por engravidar na mesma noite. Baronet seduziu e engravidou 12 mulheres ao longo de sete anos. Foi pai pela primeira vez há sete anos, teve uma filha dois anos mais tarde de outra mulher e tem um filho de três anos da actual namorada, Hayley Armstong.Recentemente teve mais dois filhos com mulheres que conheceu através da internet. Para além das mulheres que engravidaram e tiveram os filhos, outras cinco mulheres abortaram. «Dominic devia ter um aviso de perigo na sua página do Facebook e ser submetido a uma vasectomia para proteger outras raparigas», disse Kerry Martin, uma das duas jovens que agora está grávida de quase cinco meses.

Dominic Baronet «devia ser banido do Facebook. Ele usa este site para coleccionar raparigas. Há quem use como agência de encontros, mas ele usa-o como agência de traições» disse Stacy Jones, a outra jovem de 24 anos que está grávida.

As duas jovens ficaram a par do cenário de que faziam parte através de uma mensagem deixada no Facebook de Dominic. Kerry descobriu que não era a única naquela situação e depois de contactar Stacy resolveram juntar-se para esmiuçar o passado do jovem. Foi nessa altura que descobriram que já tinha tido cinco filhos com mulheres que conhecia na Internet.

O jovem inglês dedicou-se a aprofundar os contactos que fazia através do Facebook durante o período em que esteve preso. Foi condenado a quatro anos de prisão por tráfico de droga. Durante o tempo em que cumpria a pena, entre Maio de 2007 e Março deste ano, contactava as raparigas usando de forma ilegal um telemóvel.

(c) PNN Portuguese News Network

Sem comentários

Deixe aqui o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.


Subscrever grátis

Subscreve a nossa lista de email e recebe artigos interessantes e actualizações comodamente na tua caixa de email.

Obrigado por nos subscrever.

Algo não correu bem...